A dor da transição em empresas familiares



Um dos maiores desafios da empresa familiar é o conflito entre gerações. Pais que não acreditam na capacidade de realização dos filhos, filhos que não reconhecem a experiência e contribuição dos pais, falta de alinhamento entre os irmãos sobre a gestão dos negócios, etc. Sem mencionar aqueles membros da família que não tem interesse na empresa e, por isso são rejeitados ou pressionados pelos outros para participarem de alguma forma.


Com todas estas divergências, o que fica evidente é a dor, frustração e falta de reconhecimento. O processo de transição do comando de uma empresa familiar é sempre cercado de muitos cuidados e a maturidade emocional é um dos responsáveis por uma transição bem sucedida.


O bom relacionamento entre os familiares é algo requerido para o sucesso dos negócios e transferir o comando dos negócios é um processo que requer planejamento, transparência e compreensão sobre as competências necessárias.


Outro ponto fundamental é a definição, sem rodeios, dos papéis e responsabilidades de cada um.


Diante disso, os próximos conteúdos que irei compartilhar mostrarão práticas que tenho adotado nas empresas para tornar esta transição menos dolorosa e bem sucedida. Não deixe de acompanhar e compartilhar com aqueles que podem aproveitar estas dicas.

© 2018 Overall Agency